O uso de fitas adesivas não se limita à mera fixação com fita.
Como é que a fita adesiva apanha bandidos (sem ter de os amordaçar)?

Como é que a fita adesiva apanha bandidos (sem ter de os amordaçar)?

Fixar com fita adesiva não é de longe a única forma de usar fita adesiva. Aqui pode ver onze exemplos fantásticos de usos de fita adesiva – além da fixação com fita.



Pode fixar uma coluna em cone com cola ou fita, mas não só. A fita adesiva pode inclusivamente transformar-se em membrana dos próprios altifalantes. E muito mais. Pode refrigerar, ligar à terra, silenciar o volume e voar pelo mundo com fita adesiva. Reunimos onze exemplos fantásticos de usos de fita adesiva.

A fita adesiva de refrigeração

Os aparelhos ultra planos gerem e regulam o calor com folhas de grafite, que são capazes de suportar temperaturas elevadas e dissipar calor de forma homogénea numa superfície relativamente grande. As tiras de grafite são afixadas usando uma fita biadesiva que faz muito mais do que simplesmente colar. Quanto mais fina é a fita, melhor é a sua condutividade térmica: De acordo com esse princípio físico, a nossa empresa oferece fitas biadesivas extremamente finas com apenas 5 µm (1 µm = 1/1000 mm) de espessura; é constituída por um suporte com 2-µm de espessura e um revestimento de 1,5-µm de uma massa adesiva de acrilato desenvolvida por nós.
Os aparelhos ultra planos gerem e regulam o calor com folhas de grafite, que são capazes de suportar temperaturas elevadas e dissipar calor de forma homogénea numa superfície relativamente grande. As tiras de grafite são afixadas usando uma fita biadesiva que faz muito mais do que simplesmente colar. Quanto mais fina é a fita, melhor é a sua condutividade térmica: De acordo com esse princípio físico, a nossa empresa oferece fitas biadesivas extremamente finas com apenas 5 µm (1 µm = 1/1000 mm) de espessura; é constituída por um suporte com 2-µm de espessura e um revestimento de 1,5-µm de uma massa adesiva de acrilato desenvolvida por nós.

Se fala durante tanto tempo no seu smartphone que até as suas orelhas aquecem, então devia pensar numa fita biadesiva. Não pelas suas orelhas, mas pelo facto de a ter à mão quando telefona. A fita biadesiva no seu smartphone garante que este não sobreaqueça. Quando é muito usado, algumas peças internas chegam a atingir até 90 °C. Assim, para que nada fique queimado, as fitas adesivas desviam o calor e reduzem a tensão térmica até 20 °C no total.

Não queremos deixar a sua cabeça a ferver com física outra vez, mas gostaríamos de fazer um breve esboço do princípio físico que usamos em nosso benefício, aqui. É o seguinte: quanto mais fina for a fita adesiva, maior é a sua capacidade de desviar o calor da fonte. Até temos um certo orgulho em dizer que a tesa® bateu um recorde mundial nesta área. A fita mais fina do mundo é produzida por nós. Mede um total de 5 µm. Comparando: Puxe um cabelo seu e segure-o contra a luz. O seu cabelo é dez vezes mais espesso do que a nossa fita adesiva.

global.read_more

A fita adesiva “elétrica”

Electronics_ECT_schema-conductivity-001_72dpi
O segredo da sua condutividade assenta na estrutura dos suportes e das massas adesivas: As fitas adesivas condutoras de eletricidade não só fixam de forma segura circuitos impressos flexíveis e peças de caixas metálicas, como permitem ainda o bom funcionamento de circuitos complexos. As fitas equalizam o potencial elétrico, descarregando, simultaneamente, as cargas eletrostáticas, prevenindo assim curtos-circuitos.

Quando há muitos aparelhos eletrónicos num espaço reduzido, pode ocorrer desde tensão a curtos-circuitos. As fitas adesivas que descarregam, protegem e ligam à terra garantem as condições necessárias – também ao utilizador. Aderem de forma tão fiável como qualquer outra fita adesiva. Também equilibram o potencial elétrico, descarregam cargas estáticas e ligam pistas condutoras metálicas a peças de caixas de forma segura. O níquel e o cobre são integrados na fita adesiva neste tipo de aplicação. Essa fita adesiva tem outra vantagem para a indústria elétrica: é adequada para quase todas as áreas de utilização devido à sua baixa espessura e é uma ajuda útil em qualquer projeto.

A fita adesiva excecionalmente densa

Fiquemo-nos pela eletrónica. Toda a gente que já ouviu falar de alguém que conhece alguém que tem um amigo cujo smartphone caiu na banheira sabe como a humidade pode causar danos consideráveis a aparelhos eletrónicos de gama alta. No entanto, no caso da produção de telemóveis, etc., estamos a falar de quantidades de humidade muito diferentes. Não das quantidades de humidade de uma banheira, mas do mais pequeno vapor que não pode entrar no aparelho. Por exemplo, na produção de ecrãs de telemóveis, a quantidade permitida de permeabilidade ao vapor é uma milionésima da permitida na produção de uma embalagem de leite.

As chamadas fitas adesivas de barreira dão uma ajuda aqui: isolam os LED de um ecrã de smartphone durante muitos anos, à temperatura ambiente, evitando a entrada de qualquer humidade do ar. A tecnologia especial do liner DrySeal® na película separadora da fita adesiva garante igualmente que a humidade restante do adesivo seja absorvida como uma esponja durante o transporte para o local de utilização.

global.read_more

A fita adesiva transparente

Instalações da sala limpa do centro de produção da tesa em Hamburgo
Instalações de sala limpa do centro de produção da tesa em Hamburgo: Aí, o ar é 1000 vezes mais puro do que o ar no cume de uma montanha.

Os ecrãs táteis devem ser brilhantes e extremamente nítidos. E contêm também fita adesiva. A fita adesiva fixa o ecrã de forma fiável evitando que este fique menos nítido ao longo dos anos. Essa aplicação da fita adesiva permite 99% de permeabilidade à luz; é altamente transparente. Para que se mantenha assim, é extremamente resistente aos raios UV. Também não pode ser volumosa: tem apenas 25 µm de espessura, ou seja 25/1,000 mm. Só se consegue atingir um tal desempenho na produção em condições de sala limpa. O ar numa instalação de produção tesa é 1000 vezes mais puro do que no cume de uma montanha – e estamos a falar de um cume elevado numa zona montanhosa pouco povoada com ar muito, muito puro.

A fita adesiva sonora

A fita adesiva não é só vista; também pode ser ouvida. Isto acontece quando se aplicam no adesivo as excelentes propriedades de atenuação de cadeias de moléculas de acrilato amplamente divergentes e interligadas. Este tipo de aplicação do adesivo está presente principalmente nos minúsculos altifalantes dos telemóveis, etc., que não têm apenas de transmitir o nosso discurso, mas também tons desafiantes e sons de forma perfeita. O adesivo de acrilato encontra-se numa estrutura de três camadas entre duas películas de elevado desempenho. Enquanto as películas de elevado desempenho produzem grande rigidez, o adesivo oferece a sua flexibilidade ao som – com uma espessura total de 22 µm a 60 µm. E por vezes fixar uma coluna em cone com fita não é uma reparação de emergência, mas uma verdadeira operação de alta tecnologia.

A fita adesiva antivibração

Fixação de cabos de automóveis
Um pré-requisito do conforto de condução e uma característica de qualidade de cada veículo é conduzir sem ruídos de fundo. A nossa empresa oferece uma gama de produtos especialmente concebidos para evitar vibrações, ruídos e trepidação.

Ainda têm de passar alguns anos, antes de um automóvel novo se transformar num automóvel usado. Durante esse tempo, gostaria de usufruir de cada viagem no seu automóvel, do princípio ao fim. Nada deveria vibrar e abafar o som do rádio. Mesmo com 200 coisas na mala em plena autoestrada. A nossa empresa tem uma gama completa de produtos para aplicações de fita adesiva no automóvel. As fitas adesivas reduzem ou evitam sons irritantes assim como vibrações, ruídos ou a trepidação de peças do automóvel.

A fita adesiva anticontrafação

tesa PrioSpot®: A exclusiva tecnologia híbrida protege de forma fiável os produtos originais de elevada qualidade contra a contrafação e comercialização no mercado paralelo.
tesa PrioSpot®: A exclusiva tecnologia híbrida protege de forma fiável os produtos originais de elevada qualidade contra a contrafação e comercialização no mercado paralelo.

A fita adesiva pode fixar objetos que não esperaríamos ver unidos. As etiquetas adesivas especiais podem mesmo dizer exatamente o que pertence a quem e se o que está a ver é de facto verdadeiro. A tecnologia exclusiva desenvolvida pela subsidiária da tesa, a scribos, permite escrever informação numa etiqueta e em quatro níveis com laser para que esta contenha informação visível e também informação legível apenas com aparelhos de leitura especiais.

A tesa PrioSpot®, o nome da etiqueta, pode etiquetar produtos de forma tão inequívoca como uma impressão digital – e oferece o maior nível de segurança contra produtos de contrafação ou pirateados. Pode também ser combinada com pastilhas RFID, códigos de barras ou códigos QR. Isto permite verificar, a qualquer momento, se o produto é original, desde a cadeia de fornecimento e instalações de produção à empresa de logística, das autoridades aduaneiras retalhistas, aos consumidores finais. Tudo o que precisa é de um telemóvel para o autenticar.

global.read_more

A fita adesiva de longa distância

Automotive_Security-Labeling-001_300dpi
Não é o mesmo que estar no espaço, mas as etiquetas laser tesa® têm de provar a sua resistência de longa duração a circunstâncias adversas.

Por vezes, as fitas adesivas gostam simplesmente de viajar. Há uma fita adesiva da tesa® que já foi ao espaço. A “etiqueta laser de segurança tesa®” foi inicialmente desenvolvida como uma etiqueta de identificação para automóveis e deu a volta à Terra no exterior da estação espacial internacional ISS durante 495 dias, permanecendo no espaço quase 60 vezes mais do que Neil Armstrong. Naturalmente, uma fita adesiva de elevado desempenho desta categoria não teve tempo para apreciar a vista: teve de suportar diferenças de temperatura extremas, vácuo, ondas ultravioleta, micrometeoritos em colisão e finos destroços espaciais – e passou o teste. Toda a informação escrita na etiqueta podia ser lida passados 500 dias.

A fita adesiva bamboleante

King Penguin chick & KiwiSat 202_KMP_0094
Pinguim-rei com localizador GPS fixo com fita tesa®.

Finalmente, está de regresso à Terra. E aguarda no hemisfério sul pelo último de muitos usos para fitas adesivas: A fita adesiva de espuma tesafix® teve de ultrapassar desafios muto diferentes. Isto porque a nossa fita adesiva não tem parado em benefício da investigação durante muitos anos. Bamboleou-se com os pinguins-de-Humboldt e pinguins-de-Magalhães e os seus pequenos localizadores GPS nas ilhas Falkland durante mais de 20 anos. Os localizadores são fixos aos pinguins com fita. A propriedade mais importante da fita adesiva aqui é: não danificar as penas. E logo a seguir: deve ser resistente a água salgada e frio extremo, claro.